jeudi 3 décembre 2015

Me guarda num cantinho dentro de você


Pode ser na nuca. No emaranhado dos seus cabelos quando acorda. Ou até mesmo atrás do ombro, aquele lugar que eu amava e você nunca lembrava...Você me teve de uma forma tão bonita... Não esquece não. Me põe embaixo da manga do seu casaco largo que eu adorava usar. Ou no bolso esquerdo do jeans onde eu esquentava minha mão. Me escuta na melodia daquele vinil do Sinatra, e se me perder, me encontra nos raios de sol da sua cama de manhã. Só não finge que eu sou mais um livro naquela estante empoeirada que você insiste em ignorar, mas que te dá uma alergia danada. Perdoa a dor que a lembrança da minha risada lhe causar e permita-se sentir saudades, mesmo que por um segundo. Você disse que não ia me apagar nunca, mas já apagou as fotografias. E eu sei, é por causa dela. Não quero atrapalhar seu novo amor, de forma alguma. Por mais que eu queira mais que tudo. Você me conhece, ainda te chamo de amor quando te vejo no final da esquina. Eu sei, já faz um tempo. Mas você não explicou seus erros. E eu fiquei aqui tentando montar um quebra-cabeça impossível. É claro que você já deve ter desarrumado todas as roupas que eu dobrei aquele dia. Mas eu sei que pelo menos uma, aquela blusa branca que você detestava, ainda deve estar do jeito que eu deixei no fundo do armário. Não desdobra. Deixa ela ali como um pedaço de mim em segredo. Não sei se vou voltar algum dia pra colocar as coisas em ordem. Estou uma zona. Mas se estiver com tempo, o que sempre lhe faltou, pega as cartas e as aquarelas em que declarei meu amor incondicional e desfaz as dobras. Eu também estou ali. Cuida desse pouco, ou muito, que eu deixei sem querer. É que hoje a saudade de morar no seu abraço bateu. Mas agora a casa está ocupada. Volto outra hora. Me guarda atrás da porta. Cansei de esperar do lado de fora. 






0 commentaires:

mensajes bonitos © 2015 - 2016 : All Rights Reserved